Skip to content

Metro Ethernet

Pessoal, vamos falar agora sobre Redes Metro!
 
Já ouviram falar? Se você pretende trabalhar em um provedor ou já trabalha e não conhece o assunto, melhor se atualizar porque as Redes Metro estão crescendo e muito.
 
Nós sabemos que existem dois tipos de redes, redes determinísticas e redes estatísticas. As redes determinísticas, de forma simples, são redes baseadas em tecnologias que não possuem granularidade, ou seja todo trafego encaminhado em uma rede determinística não compete por banda, não há qualidade de serviço, ou melhor, diferenciação de serviço no circuito virtual. Dados, voz, vídeo são tratados na mesma forma como se fossem jogados em um grande tubo. Já as redes estatísticas são redes com tecnologias que permitem granularidade como o padrão Ethernet, onde você tem a possibilidade de aplicar qualidade de serviço (QoS, CoS), as redes Metro Ethernet (Carrier Ethernet), são redes baseadas em Ethernet e essa é uma tecnologia regrada pelo MEF, Metro Ethernet Forum.

http://www.embratel.com.br/Embratel02/cda/portal/0,2997,PO_P_161_1840,00.html
Existe uma certificação atualmente, conhecida como MEF CECP 2.0 – Carrier Ethernet Certified Professional 2.0, essa certificação apresenta os detalhes do funcionamento de uma rede metro e suas parametrizações para que os provedores de serviço possam oferecer serviços certificados e substituir tecnologias consideradas legadas como uma rede TDM por exemplo.
 
Esse assunto não é tão recente mas ainda há muitos poucos certificados no país, e grandes provedores de serviço como Embratel e Vivo estão migrando várias de suas tecnologias para o padrão Metro Ethernet que vem apresentando vários benefícios.
 
É de muita importancia que se tenha conhecimento dessa tecnologia e para aqueles que pensam em trabalhar em provedores, segue mais um desafio. Eu já estou finalizando meus estudos e em breve vou para a prova de certificação.
 
Sobre a prova, ela é composta por 80 questões das quais 10 aleatoriamente não são computadas e você possui uma hora e quarenta minutos para fazer, a prova é somente em inglês e é totalmente teórica.
 
O custo da prova é de 350,00 dólares e caso não passe na primeira vez o retake custa somente 50,00 dólares.
 
Links interessantes:
 
Se informem, vale a pena.
Published inTheory

Be First to Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *